10.11.06

Apresentação

O domínio da História é aquele que promove a odisseia dos povos no seu desenvolvimento através do tempo e esta é a sua tarefa. A Literatura, contudo, elucida-nos quanto ao conhecimento das mentalidades, pois ela transpõe a mera narrativa dos factos, ela designa-se como observação e conceito. Os historiadores podem alterar essas observações por restrição a determinados limites de conveniências rácias ou patrióticas. A literatura por sua vez aspira ao universalismo, revela aspirações privadas na sua impulsividade. Nela existem tanto as convicções colectivas como o singular sentimento recalcado, os hábitos, os costumes, a maneira como se é em multidão ou como indivíduo nas suas pretensões. Absorve as virtudes, espelha os defeitos. A literatura é, em síntese, a psicologia de um povo.

Sara F. Costa

6 comments:

Kiyoshi said...

Gostei do aspecto do blog, é simples mas é o melhor para o tema. O texto introdutório está muito bem escrito e explicita bem esse mesmo tema. Agora só falta mesmo a colaboração, eu vou tentar colaborar assim que puder e como puder. Espero que este projecto tenha sucesso e que desperte o interesse de outros para a literatura japonesa.

Cumprimentos,
Eugénio Graf (Kiyoshi)

ChinoMoreno said...

....e assim nasce um projecto ^_^

Anonymous said...

Por acaso não conheço nenhum autor japonês mas este clube deu-me vontade de conhecer. :))))

Isabel Brandão

mspirit said...

Dificilmente se poderia ter introduzido melhor a materia. longa vida ao blog !

naritaRUC said...

がんばって!!!!
Desejo muitas felicidades a este projecto e blog, e que a literatura japonesa seja mais divulgada em Portugal.

atomo! said...

Bem vindos à blogosfera, e parabéns pela escolha da temática, que tendo cada vez mais fans, continua muito pouco divulgada em português!

abraços