16.2.07

Genji-Monogatari 源氏物語

A era de Heian (平安時代, Heian-jidai), ficou marcada pelo início da administração militar do Império após as célebres disputas entre os clãs de nobres guerreiros - Taira平 e Minamoto源 - depois da derrota dos Fujiwara藤原. O caos proliferava ainda pois a luta entre os clãs não fora de curta duração culminando no extermínio dos Taira, em 1185, altura em que morreu também o pequeno imperador Antoku-Tenno.
Como é natural, todo este ambiente aparece reflectido na literatura deste tempo.

Duas das obras mais importantes do período foram escritas por damas da corte, Murasaki-Shikibu (紫 式部 973 – 1014 ou 1025) e Seisho-Nagon. Destaque para o facto de que o papel da mulher a partir deste momento começa a ganhar um grande relevo no domínio da literatura e sobretudo da poesia, acabando com a despersonalização e submissão ao plano social.
As duas obras de destaque do período são «Genji-Monogatari» e «Makura-no-Soshi».
Estas obras oferecem, nas palavras de Wensceslau de Moraes “os trechos mais sedutores da prosa nipónica”.
Abordarei aqui a primeira novela japonesa, «Genji-Monogatari» ou 源氏物語.


Ilustração do cap. 20 – 朝顔 Asagao ("The Bluebell")

Datada do fim do século X, é uma obra de alto valor literário e um trabalho de ficção em que a realidade sobreleva a imaginação através da narrativa palpitante da descrição das aventuras sentimentais de Murasaki-Shikibu.
As subtilezas apontam para valores consolidados e para uma grande capacidade de observação através da qual é contada a história de Genji.
O livro conta a história de um príncipe sempre metido em amorosas aventuras aristocráticas mas que, após o período de boémia, troca os prazeres efémeros e carnais pela meditação budista.

A acção da novela divide-se em cinquenta e quatro capítulos decorrendo num ritmo descritivo que denota uma atitude psicológica muito atenta – característica essencial da autora. Assim ela faz descrições da vida quotidiana da corte e tende para as descrições sentimentais das paixões que submergiam o seu espaço.

Em termos de estrutura, o romance está tradicionalmente dividido em três partes globais: as duas primeiras tratando de assuntos da vida de Genji e o último falando dos primeiros anos do descendente de Genji (Niou e Kaoru). Há também outras transições ao longo dos capítulos que são sempre agrupados separadamente e cuja autoria é por vezes questionada.

Deixo aqui a lista dos capítulos com uma tradução em inglês feita pela Royall Tyler translation, com links úteis para mais informações. Convém ter em conta que não se sabe ao certo quando é que os capítulos adquiriram títulos. Algumas reedições contêm títulos alternativos para alguns capítulos.
Aqui fica:

桐壺 Kiritsubo ("Paulownia Pavilion")
帚木 Hahakigi ("Broom Tree")
空蝉 Utsusemi ("Cicada Shell")
夕顔 Yūgao ("Twilight Beauty")
若紫 Wakamurasaki or Waka Murasaki ("Young Murasaki")
末摘花 Suetsumuhana ("Safflower")
紅葉賀 Momiji no Ga ("Beneath the Autumn Leaves")
花宴 Hana no En ("Under the Cherry Blossoms")
葵 Aoi ("Heart-to-Heart")
榊 Sakaki ("Green Branch")
花散里 Hana Chiru Sato ("Falling Flowers")
須磨 Suma ("Suma"; a place name)
明石 Akashi ("Akashi"; another place name)
澪標 Miotsukushi ("Pilgrimage to Sumiyoshi")
蓬生 Yomogiu ("Waste of Weeds")
関屋 Sekiya ("At The Pass")
絵合 E Awase ("Picture Contest")
松風 Matsukaze ("Wind in the Pines")
薄雲 Usugumo ("Wisps of Cloud")
朝顔 Asagao ("Bluebell")
乙女 Otome ("Maidens")
玉鬘 Tamakazura ("Tendril Wreath")
初音 Hatsune ("Warbler's First Song")
胡蝶 Kochō ("Butterflies")
螢 Hotaru ("Fireflies")
常夏 Tokonatsu ("Pink")
篝火 Kagaribi ("Cressets")
野分 Nowaki ("Typhoon")
行幸 Miyuki ("Imperial Progress")
藤袴 Fujibakama ("Thoroughwort Flowers")
真木柱 Makibashira ("Handsome Pillar")
梅が枝 Umegae ("Plum Tree Branch")
藤のうら葉 Fuji no Uraha ("New Wisteria Leaves")
若菜 I Wakana: Jo ("Spring Shoots I")
若菜 II Wakana: Ge ("Spring Shoots II")
柏木 Kashiwagi ("Oak Tree")
横笛 Yokobue ("Flute")
鈴虫 Suzumushi ("Bell Cricket")
夕霧 Yūgiri("Evening Mist")
御法 Minori ("Law")
幻 Maboroshi ("Seer")
匂宮 Niō no Miya ("Perfumed Prince")
紅梅 Kōbai("Red Plum Blossoms")
竹河 Takekawa ("Bamboo River")
橋姫 Hashihime ("Maiden of the Bridge")
椎が本 Shīgamoto ("Beneath the Oak")
総角 Agemaki ("Trefoil Knots")
早蕨 Sawarabi ("Bracken Shoots")
宿り木 Yadorigi ("Ivy")
東屋 Azumaya ("Eastern Cottage")
浮舟 Ukifune ("A Drifting Boat")
蜻蛉 Kagerō ("Mayfly")
手習 Tenarai ("Writing Practice")
夢の浮橋 Yume no Ukihashi ("Floating Bridge of Dreams")
Há registos noutras obras acerca da personalidade sensível e delicada da escritora. Um diário seu com poesias que retratam as suas vivências e as suas viagens foi largamente apreciado pelos aristocratas ao longo das seguintes épocas. Este tipo de literatura sentimentalista teve um grande sucesso. Outras escritoras célebres do mesmo período são, por exemplo, Izumo Shikibu 和泉式部, esposa de um alto funcionário imperial, autora de um “Diário” (Nikki), ou Sanuki-no-Naisi que publicou o “Dama de Honor Sasuki”, etc. Estas produções literárias podem ser incluídas no género do ensaio, pois possuem tanto poesia com prosa, numa combinação muito elegante e reúnem uma série de pensamentos, reflexões sobre ambientes nas suas dissertações intimistas.



Curiosidades:
Download do E-text do Genji-Monogatari (original) http://etext.virginia.edu/japanese/genji/
Adaptação cinematográfica http://www.imdb.com/title/tt0295455/
Adaptação para Anime http://www.abcb.com/genji/index.htm
O diário de Murasaki Shikibu (inglês) traduzido por Annie Shepley Omori and Kochi Doi, introdução por Amy Lowell. Boston and New York: Houghton Mifflin Company, 1920, pp. 69-145. : http://digital.library.upenn.edu/women/omori/court/murasaki.html


Sara F. Costa

4 comments:

Parca said...

Eu ando há 2 anos a ler o Genji monogatari (leio só no verão). E já li o Heike Monogatari (absolutamente fantástico).

Sibyl Vane said...

Um artigo sobre o Heike monogatari seria interessante... :)

Parca said...

Já fiz o artigo sobre o Heike Monogatari. A quem o envio para reverem?

Anonymous said...

Eu quero muito ler Genji Monogatari. Tem algum lugar para baixar? Ou tem alguma volume perdido por ai? D